APATRIS 21

Projetos

  • Horta Social

    Horta Social

    O grupo de crianças e jovens que integram estas atividades, fazem visitas à Horta, onde lhes são ensinadas as várias fases das culturas e suas práticas culturais: sementeira, germinação, crescimento, colheita, regas, adubação, mondas, poda, entre outras. Pretende-se que aprendam a cultivar as plantas para que possam, alguns deles, trabalhar futuramente na área agrícola.

  • Movimento Criativo

    Movimento Criativo

    O projeto Movimento Criativo visa a promoção do acesso das pessoas portadoras de Trissomia 21, Défice Cognitivo e outras Perturbações do Desenvolvimento a atividades de caráter artístico, nomeadamente Teatro, que, de forma geral, não são proporcionadas a estas populações. “Projeto cofinanciado pelo Programa de Financiamento a Projetos pelo INR, I.P.”

  • PROSENSI

    PROSENSI

    O projeto PROSENSI tem como missão a realização de ações de sensibilização e informação nos estabelecimentos educativos de todos os níveis de ensino, podendo ser alargado a empresas e outras entidades/organizações.

  • Moviment.ar.te.

    Moviment.ar.te.

    O “Moviment.ar.te” é um projeto destinado a jovens e adultos com e sem deficiência, assente numa metodologias de intervenção psicomotora, baseado nas terapias expressivas, nomeadamente a dança, a música e o movimento expressivo. O principal objetivo desta iniciativa é promover novas capacidades e competências numa perspetiva motora, intelectual, cognitiva, emocional, social e interpessoal, É assim um projeto performativo, desenvolvido para promover novos conhecimentos e experiências que possam ser significativo(a)s para os participantes.

  • Projeto Hipoterapia

    Projeto Hipoterapia

    O projeto de Hipoterpia é um projeto destinado a crianças, jovens e adultos com perturbações de desenvolvimento, e será assente numa intervenção psicomotora em relação com a hipoterapia. Os principais objetivos deste projeto passam por desenvolver domínios fundamentais para uma melhor relação intra e extra indivíduo, tais como o fortalecimento tónico, o controlo postural, o equilíbrio e ritmicidade, a auto-estima, auto conceito, o fortalecimento de comportamentos tónico-emocionais, tónico-afetivos e tónico-relacionais mais saudáveis e adequados. É por último um projeto que pretende levar os seus participantes até à comunidade, favorecendo um princípio de inclusão, princípio esse, fundamental para a APATRIS 21.


Com o Apoio de